Existem diversos procedimentos médicos que se propõem a deixar a pele mais bonita, uniforme e livre de manchas. Uma ótima opção é o chamado Peeling.

Ele é indicado para suavizar manchas, linhas finas, rugas profundas, acnes inflamadas e até cicatrizes. O peeling promove uma descamação de células mortas e, assim, garante uma renovação celular. Associado a este processo de renovação celular, dependendo da técnica de peeling escolhido, ele poderá ser anti inflamatório, clareador e/ou estimulador de colágeno. Podem ser realizados em todo corpo.

Porém, com tantas técnicas diferentes à disposição, qual seria o melhor tipo de peeling para a sua pele? O primeiro passo é conversar com um especialista na área, já que os tratamentos não são tão simples e exigem cuidados e conhecimento. Assim, você terá a orientação correta para o seu tipo de pele e conhecerá a opção mais indicada.

 

Os tipos de Peeling

Basicamente, os peelings podem ser classificados em três tipos: químico, mecânico e a laser.

 

Peeling Químico

O peeling químico é feito através da aplicação de substâncias químicas na pele, que atingem profundidade variável: o superficial é indicado para poros dilatados, sardas e manchas leves; o médio é adequado para manchas, rugas finas, cicatrizes de acne e peles envelhecidas pela ação do sol; e o profundo é mais indicado para casos de pele muito envelhecida, com muitas manchas e cicatrizes de acne.

Essas substâncias químicas podem ser o ácido retinóico, o ácido glicólico, o ácido

salicílico, o ácido tricloroacético ou ácido kójico, entre outras. Elas podem provocar a descamação superficial e constante da pele (no caso dos peelings superficiais), aumento da produção de colágeno, renovação da pele, além de suavizar estrias, tratar a pele oleosa, cravos excessivos, poros dilatados e lesões de acne. A profundidade que o peeling atingirá dependerá do tipo e concentração de ácido utilizado.

Peeling Mecânico

Como o nome sugere, é feito “mecanicamente” através de equipamentos que fazem uma “esfoliação” na pele. É comum optar pelo peeling mecânico juntamente ao químico com o objetivo de reforçar os resultados.

Um tratamento bastante realizado atualmente é o Peeling de Cristal. Consiste em uma microdermoabrasão feita através de um aparelho que emite jatos de cristais de óxido de alumínio em um sistema a vácuo, que provoca uma esfoliação superficial da pele. Os cristais de alumínio também possuem uma atividade anti inflamatória e bactericida para lesões de acne.

Indicado no tratamento de manchas, cicatrizes de acne, poros dilatados, estrias e para o rejuvenescimento facial, independentemente da coloração da pele, que se torna mais viçosa, macia e brilhante, ocasionando uma melhora da coloração e também da textura.

 

Peeling a Laser

Os aparelhos de laser também podem ser utilizados para os peelings. As fibras de colágeno são reativadas e o resultado é uma pele rejuvenescida, livre de manchas e mais firme.

Para saber mais sobre estes e outros tipos de procedimentos, entre em contato com a Dermatológica Clínica e descubra qual o tratamento ideal para a sua pele ficar mais bonita e saudável!

 

E que tal receber 10 super dicas para ter uma pela sem acne, manchas, cicatrizes?
Clique aqui e baixe nosso material!

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.